10 dicas úteis para arrumar emprego nos Estados Unidos
26/10/2019

Alguns brasileiros que estão nos Estados Unidos ainda não conseguiram arrumar emprego porque não sabem exatamente quais dicas seguir. Tomando como base a experiência positiva de diversas pessoas que tiveram sucesso nos EUA, resolvemos reunir 10 dicas para você arrumar emprego nos Estados Unidos de maneira rápida.

1.Fale inglês fluente

Tentar arrumar emprego nos Estados Unidos sem falar inglês é bem mais difícil do que alguém que já tem uma certa noção do idioma. A internet hoje ajuda de diversas maneiras, e na hora de aprender um idioma novo não é diferente. Hoje qualquer pessoa tem acesso a uma quantidade enorme de conteúdos gratuitos seja no Google ou no Youtube. Se você é uma das pessoas que ainda não entrou no mercado de trabalho americano, comece a estudar para aprender ou melhorar seu inglês logo!

2.Seja um imigrante legal

Ser um imigrante legal nos Estados Unidos é um fator de extrema importância, principalmente depois das novas políticas imigratórias. Quem não respeita as leis de imigração, corre o sério risco de ser deportado e ter problemas com a justiça americana. O brasileiro que está nos EUA e busca emprego precisa estar mais preparado com o governo de Donald Trump. A burocracia na emissão de vistos aumentou bastante, somente os estrangeiros altamente qualificados não serão impactados pelas novas políticas imigratórias.

3.Prepare um currículo americano

Para você conseguir uma oferta de trabalho estando nos Estados Unidos, você obrigatoriamente precisa de um currículo nos moldes americanos. O documento deve incluir suas informações pessoais, resumo, experiências profissionais, formação acadêmica, idiomas, habilidades com informática e referências.

4.O seu português pode ser um diferencial

Por incrível que pareça, mesmo em um país onde a língua falada é o inglês, o seu idioma nativo pode fazer a diferença na hora de arrumar emprego. Existem diversas empresas americanas que oferecem oportunidades nos EUA para quem fala português. Uma maneira fácil de encontrar essas empresas é colocando no LinkedIn a palavra-chave ‘’portuguese’’, você vai encontrar muitos anúncios.

5.Use o LinkedIn

Falando em LinkedIn, ela é uma rede social americana diferente das outras, com o foco maior no mercado de trabalho e assuntos mais sérios. É um excelente local para quem busca emprego fora do país, principalmente nos Estados Unidos.
Acessado a página de Job Search, é possível filtrar vagas de emprego de várias maneiras, pelo nome da empresa, área de atuação, localidade ou palavra-chave.

6.Conte com a indicação de amigos

Aproveita a imensa comunidade brasileira nos Estados Unidos, mesmo você ainda não tendo amigos próximos, os brasileiros estão sempre dispostos a se ajudarem. Se relacione com essas pessoas que estão por lá há mais tempo, peça dicas e indicações, nada melhor que o direcionamento de quem já passou pelo que você quer passar.

7.Considere trabalhar em subempregos

Normalmente o diploma brasileiro não é valido nos Estados Unidos, você precisará fazer uma validação no país para conseguir um emprego na área na qual é formada no Brasil. Como esse processo geralmente é bastante demorado, vale a pena você pensar em trabalhar em subempregos como forma de entrar no mercado de trabalho americano.
Os subempregos são aquelas vagas que os americanos optam por não preencher, assim, ficando disponível para imigrantes sem formação ou experiencias. Existem muitas oportunidades, como garçom, babá, ajudante de obra, faxineiro e outros.

8.Fique atento a cidades com mercado de trabalho mais promissor

New Jersey e Florida são os estados americanos onde tem mais brasileiros, você pode iniciar sua busca por empregos nessas localidades ou buscar em outras cidades americanas, onde abrem mais postos de trabalho. Cidades como Tucson, Myrtle Beach, Dallas, Phoenix e Provo, vem tendo uma forte oferta de emprego nos últimos meses. Com certeza vale a pena sair um pouco dos grandes centros e ir para onde a chance de se empregar é maior.

9.Saiba quais setores mais empregam nos EUA

Seja inteligente, busque emprego nas áreas que mais empregam, assim você terá mais chances de ganhar dinheiro nos Estados Unidos. Os cargos ligados à tecnologia da informação, cientista de dados e engenheiro de sistemas lideram o ranking das carreiras que mais empregam nos EUA. Longe da tecnologia, existem outras áreas que também empregam muitos brasileiros, como os setores de RH, Marketing, Turismo, Engenharia Elétrica, Enfermagem e automação.

10.Conte com os apps

Uma outra opção para conseguir trabalhar ou até arrumar uma grana extra, é trabalhar como motorista de aplicativos como Uber e Lyft. Outras opções como o Uber Eats e Rover também podem render uma boa grana, principalmente para quem acabou e chegar no país.

Trabalhar em um país que não seja o seu, pode parecer difícil, mas não é impossível, principalmente se você tem força de vontade. Não fique desanimado por não estar perto de sua família, em um país distante e em uma cultura diferente, se apegue as dicas que entregamos hoje nesse texto, elas têm o poder de te dar um emprego e transformar a sua vida. O que achou desse conteúdo? Deixe um comentário aqui!

Assine nossa newsletter!