O que faz um analista em comércio exterior?
24/01/2020

O analista em comércio exterior é um dos cargos primordiais para uma multinacional ou empresas que atuam com importação e exportação. Muito procurado no mercado de trabalho, esse profissional desenvolve tarefas conjuntamente com os responsáveis pelas decisões de compra e venda. O comércio exterior é um ramo com muitas vertentes e com perspectivas de um elevado crescimento para os próximos anos. O investimento em aprimoramento para analista em comércio exterior é uma ótima alternativa para alavancar a carreira.

O principal foco do trabalho de um analista é a coordenação das operações de importação e exportação. Presente em mais de 60 mil empresas em todo Brasil, também pode atuar junto a área governamental. Como funções principais há o suporte em planejamento, coordenação, tributação e demais pontos para a equipe destinada à decisão do comércio. 

Um profissional indispensável no mercado de comércio exterior.

 

Analista em comércio exterior: função

É de responsabilidade do analista em comércio exterior não só a coordenação e planejamento, como também todo o assessoramento. Qualquer decisão de compra ou venda leva por base todo o projeto e levantamento do analista. 

Empresas com foco em exportação, contratam o profissional para elaborar estratégias com o intuito de se inserir no mercado internacional. Desta forma, irá promover o produto nacional e conquistar novos espaços no exterior. Tomando por base a pesquisa do cenário do mercado e o público-alvo da compra. Identificar quais as necessidades da empresa e os preços ideais para consolidar boas vendas. 

Além disso, o analista organiza todos os procedimentos cabíveis para as transações, tanto de exportação como importação. Definindo, até mesmo, o transporte mais indicado para o negócio realizado. 

Com um papel de mediador em muitas ocasiões, presta atendimento para comercializações internacionais. Desta forma, precisa verificar as tendências de mercado. Assim como os nichos e áreas que são mais promissoras.  

Também faz parte do desenvolvimento do analista em comércio exterior:

  • Verificar e analisar as questões tributárias e normas de cada país para as transações comerciais;
  • Cuidar de todas as documentações necessárias perante a Receita Federal ou de tributação;
  • Formular e identificar estratégias com o objetivo de elevar os lucros da organização;
  • Atuar em organizações que trabalham com seguros, câmbios e transporte internacional;
  • Assessorar os investidores com a identificação das possibilidades mais rentáveis;
  • Elaborar relatórios com foco na área econômica e quanto às transações comerciais internacionais;
  • Trabalhar conjuntamente para elaboração de estratégias de mercado e marketing;
  • Promover a orientação para atrair e captar clientes internacionais;
  • Analisar e estudar os contratos financeiros, assim como a cotação da moeda.

Ou seja, suas funções permeiam decisões quanto a procedimentos administrativos, financeiros, aduaneiros e logísticos. Por esta razão, o profissional deve estar capacitado e preparado para promover o crescimento da empresa. Trabalhando assim com sua inteligência e competência no assunto com o intuito de melhor assessorar e promover suporte a seus gestores.

Empresas que mais procuram analistas

Já podemos imaginar que as principais empresas que buscam o profissional são aquelas voltadas ao comércio exterior. Podendo ser tanto multinacionais ou com grande representatividade em importação e exportação. É importante ressaltar que o analista não tem foco somente na exportação, como também é valioso para a importação. Realizando as melhores negociações e estratégias de compra.

No site da Catho, podemos identificar que as empresas que buscam analista em comércio exterior possuem o foco em expandir o mercado. São empresa já presente em outros países ou mesmo nacionais que fazem a comercialização de seus produtos a nível mundial. Os ramos são muito diversificados, mas em sua grande maioria há indústrias. 

O analista ainda pode atuar na área governamental. No ano de 1998, a carreira foi regulamentada a nível federal pela Lei 9.620/98. A partir de então, por meio de concursos públicos especializados, poderá atuar no âmbito público. Sua atuação também está ligada à análise, planejamento e suporte à questões governamentais no comércio exterior.

Média Salarial

Os salários podem variar de acordo com a empresa e o nível de experiência. Um trainee recebe em média R$ 1.700,00. Já um profissional sênior, pode chegar a R$ 7.500,00.

Conforme o site vagas.com, os salários calculados com base nos anúncios no site são de R$ 3.104,00 a R$ 5.168. Sendo a média de R$ 4.026,00. A variação de valores leva em conta o nível de experiência exigido pelos contratantes. 

De acordo com a Catho, os melhores salários para analistas em comércio exterior estão no Estado de São Paulo. Seguido por Rio de Janeiro e Paraná. Ainda de acordo com a Catho, os ramos que melhor pagam são de informática e importação/exportação. Seguidos de Indústrias e consultorias. 

Como ser um Analista em Comércio Exterior

O ponto de partida para a carreira de Analista em Comércio Exterior é a graduação. Podendo ser formado em Administração, Relações Internacionais, Economia, como também especificamente em Comércio Exterior.

Existem elementos marcantes que identificamos no perfil profissional daqueles que trabalha com comércio exterior, principalmente nos aspirantes ao cargo de analista. Um dos pontos principais é conseguir trabalhar sobre pressão, é preciso ter total controle com prazos e as constantes cobranças.

Também é preciso ter o domínio de outro idioma, preferencialmente o inglês. A comunicação com outros países para as negociações não podem ser prejudicada pela barreira da língua estrangeira. Sendo assim, se o inglês ainda é um empecilho, este deve ser o primeiro passo. De acordo com a Catho, 65% dos analistas possuem inglês avançado.

Além disso, para as negociações é preciso ter habilidades em persuasão, negociação e os processos de comércio. O Analista em Comércio Exterior precisa ter boa articulação em comunicação, números e sempre manter seus estudos. Além disso, encontramos nos perfis de analista as seguintes competências:

  • Desenvoltura de um trabalho dinâmico;
  • Organização;
  • Boa postura profissional;
  • Paciência;
  • Atenção aos prazos e pontualidade;
  • Proatividade e criatividade nas tomadas de decisões;

A busca por conhecimento e realizar cursos destinados à área específica são essenciais para elevar na carreira. A Catho desenvolve uma trilha da carreira em que demonstra que 24% dos analistas possuem pós-graduação.

Pode parecer um número baixo, mas demonstra o poder de crescimento daqueles que continuam e investem em aprendizado. Isso porque, a pós-graduação ou cursos especializantes podem ser o destaque entre os currículos analisados. 

Investir em curso especializado

Atualmente, a rotina de trabalho e compromissos impedem muitas vezes de estarmos em sala de aula. Por esta razão, o foco da Abracomex está em promover cursos EAD, fica a critério do aluno a escolha do melhor horário.

O curso de formação em Analista em Comércio Exterior visa a inserção no mercado de trabalho e aplicação prática. Além de possuir reconhecimento pelo MEC, a avaliação realizada por ex-alunos garantem as cinco estrelas de sua excelência. 

Crescer em sua carreira profissional depende unicamente da energia e esforço dedicado. A base de todo o desenvolvimento é o estudo para adequar, conhecer e colocar em práticas as metodologias. O mercado de comércio exterior tem aberto muitas oportunidades e há boas perspectivas para os próximos anos.

A escolha de um curso adequado é essencial para consolidar a sua carreira e satisfazer às suas necessidades. Confira o curso de formação do Abracomex e invista em seu futuro para alavancar em sua vida profissional. Acesse agora a nossa home e verifique as boas vantagens que oferecemos para o seu crescimento.

Deseja ser um Analista de Comércio Exterior?
Fale com nossos Consultores de Ensino

Direção,

Marcus Vinicius Franquine Tatagiba.

Assine nossa newsletter!

Aceito a Política de Privacidade
Aceito receber informativos por e-mail, SMS e WhatsApp.