Quais são os idiomas mais requisitados no mercado de trabalho? - Abracomex
Quais são os idiomas mais requisitados no mercado de trabalho?
27/02/2020

Quando tratamos de mercado de trabalho estar preparado é um dos pontos cruciais para o melhor desempenho. Um dos grandes diferenciais para as carreiras é a fluência em mais de uma língua. Você saberia dizer quais são os idiomas mais requisitados no mercado de trabalho atualmente? Certamente, muitos colocariam o inglês logo no topo e não estão equivocados. No entanto, há outros idiomas com grande relevância assim com a língua inglesa. Nesse artigo iremos falar um pouco mais sobre o assunto.

Um relatório realizado pelo Fórum Econômico Mundial a variação da escolha do idioma a ser estudado depende da área de atuação. O Mandarim, por exemplo, pode ser uma boa opção pelo aumento do mercado chinês. Principalmente para as áreas de tecnologia e comércio exterior é um idioma a ser priorizado.

A importância de conhecer os idiomas mais requisitados no mercado de trabalho

Um segundo idioma, para muitas carreiras, não é apenas um diferencial, e sim uma exigência nos currículos. As vagas são destinadas justamente para profissionais que possuem a fluência do idioma. Essa realidade não é apenas para o inglês, independente do mercado, as contratantes podem solicitar outras línguas.

De acordo com a 59º Pesquisa Salarial da Catho, a fluência em um segundo idioma aumenta em 112% as chances de uma melhor remuneração. Esse índice é destinado a cargos de supervisão, gerência e diretoria. No entanto, mesmo para cargos de analistas, o percentual é de 61%.

Ou seja, o idioma pode não ser caracterizado como uma simples vantagem no currículo, mas como o motivador do crescimento profissional. Desta forma, saber os idiomas mais requisitos no mercado de trabalho é o primeiro passo para alavancar a carreira.

Além dos melhores salários, ter domínio não só em português garantirá:

  • Oportunidade de trabalhar em empresas multinacionais;
  • Acesso a outras fontes de informação, permitindo um estudo amplo da área de trabalho;
  • Chance de poder solicitar uma transferência para fora do Brasil ou, até mesmo, ingressar em empresas no exterior.

Investir na carreira profissional é escolher o idioma essencial para a sua área de atuação. Voltamos então para a pergunta que iniciou o nosso artigo:

Quais os idiomas mais requisitados no mercado de trabalho?

Separamos oito idiomas procurados no mercado de trabalho e que podem ser o diferencial em sua carreira.

Inglês

O inglês é de longe um dos idiomas mais requisitados no mercado de trabalho. Isso porque é a língua mais falada em todo o mundo. Independente de seu ramo profissional, se faz parte de Humanas, Exatas ou Biológica, o inglês é primordial.

Até mesmo para vagas de estágio, o inglês é um requisito já cobrado. Essa exigência torna-se mais acentuada se as empresas possuem foco no exterior, como por exemplo, multinacionais. Conhecer o básico é o ponto de partida, no entanto, cada vez mais o mercado tem cobrado fluência. 

Se ainda não estiver apto, este é o momento de iniciar os seus estudos e garantir um futuro promissor. Publicamos em nosso blog, dicas especiais para aprender inglês ainda em 2020, cheque nosso conteúdo.

Espanhol

Na sequência, o Espanhol é a segunda língua mais falada no mundo. São mais de 40 países que falam o idioma, inclusive os integrantes do Mercosul. Esse bloco econômico formado por nações da América do Sul é fundamental para o Brasil. Principalmente para empresas com foco em manufaturados.

Desta forma, se o campo de atuação está ligado a indústria brasileira é provável que dependerá do Espanhol para parcerias e negociações. Ter a fluência nesse idioma trará boas oportunidades no ramo de comércio exterior ou em empresas multinacionais. Outras áreas com grande valorização da língua são de restauração e hotelaria.

Mandarim

Atualmente, o mandarim tem sido um dos grandes destaques em um currículo, principalmente, para áreas de comércio exterior. Temos o entendimento que a China é a segunda maior potência econômica no mundo. Além disso, é nosso principal parceiro comercial, estando no topo no ranking de exportação e importações.

Apesar das negociações com os chineses acontecerem em inglês, ter fluência em mandarim pode ser o diferencial esperado. Desta forma, se o foco de sua carreira está em comércio exterior avalie o estudo do mandarim.

Francês

O Francês é um idioma não só falado na França, como também no Canadá, Bélgica, Suíça e Luxemburgo. São mais de 290 milhões de pessoas espalhadas no mundo todo que possuem domínio neste idioma. Áreas como moda, culinária e carreira diplomática valorizam muito o estudo do Francês.

Além da França ser um bom parceiro comercial de nosso país, também possui instalada mais de 500 empresas em todo o Brasil. Desta forma, se o foco é atuar em grandes empresas multinacionais, o francês pode ser a sua opção.

Japonês

É certo que o idioma japonês possui um alto grau de complexidade, no entanto, pode se tornar indispensável para o seu crescimento. O Japão possui boas conexões comerciais com o Brasil, além de ser potência quando o assunto é tecnologia.

Desta forma, o japonês torna-se um dos idiomas mais requisitados no mercado de trabalho quando parte para a indústria tecnológica. Valorize o idioma se pretende atuar em tecnologias da informação, tecnologia aeroespacial, tecnologia das comunicações, robótica, nanotecnologia ou games.

Alemão

O alemão é outro idioma que entra na lista dos mais complexos. No entanto, pode trazer grandes benefícios para quem se dedica à língua. A Alemanha é um dos parceiros comerciais do Brasil, além disso, possui muito foco em tecnologia.

Estudar alemão também pode abrir boas oportunidades para estudar no exterior. Isso porque a Alemanha oferece bolsas de estudos para intercambistas brasileiros. Uma forma de garantir experiência no exterior e possibilidade de conhecer novas culturas. Podendo ser uma grande força em seu currículo.

Árabe

Não é um dos idiomas mais procurados pelos brasileiros, no entanto, é um dos mais requisitados no mercado de trabalho. Sua importância é justificada, pois quase 60 países têm como idioma o árabe. Além disso, é uma das línguas oficiais da ONU, de cinco países da Opep e da Liga dos Estados Árabes.

Ter fluência em árabe é um grande diferencial para o currículo, principalmente para os profissionais com foco em setores econômicos. Além daqueles voltados para finanças e comércio internacional com foco em petróleo. Os profissionais das áreas de comunicação e mediação cultural devem dar importância ao estudo da língua. 

Conclusão

Possuir destaque e conseguir ascender em sua escalada profissional depende de seu empenho. A dedicação começa desde o início, ao identificar, por exemplo, os idiomas mais requisitados no mercado de trabalho. Estabelecer um foco de aprendizagem é ideal para construir uma carreira sólida e próspera.

A escolha do idioma de estudo, como podemos perceber, depende do caminho profissional pretendido. É certo que o inglês é uma língua coringa, uma vez que possui presença no mundo todo. No entanto, um segundo idioma ou a especialização de alguma outra específica pode ser primordial.

Antes de iniciar os estudos, trace os seus objetivos profissionais e adeque o seu aprendizado a meta de carreira desejada. O estudo do idioma não traz benefícios apenas para vida profissional, como também para a saúde física. Tornando o seu raciocínio ágil e promovendo maior concentração. Diminuindo assim, as chances de desenvolver doenças ocasionadas pela idade.

Agregue não só um novo idioma, mas conhecimento cultural e valores da sociedade. São pontos essenciais para um melhor poder de comunicação e negociação.

Com o intuito de manter o foco no conhecimento e alcançar melhor posicionamento no mercado de trabalho, conheça um de nossos cursos de formação. Para você que busca novas oportunidades na carreira, será uma excelente escolha!

Direção,

Marcus Vinicius Franquine Tatagiba.

Assine nossa newsletter!

Aceito a Política de Privacidade
Aceito receber informativos por e-mail, SMS e WhatsApp.