PRODUTOS BRASILEIROS DE EXPORTAÇÃO GANHAM SHOWROOM NA ACRIO - Abracomex
PRODUTOS BRASILEIROS DE EXPORTAÇÃO GANHAM SHOWROOM NA ACRIO
26/07/2016

Até o dia 16 de setembro produtos de 215 empresas dos setores de alimentos, bebidas, decoração, tecnologia, vestuário, joalheria e farmacêutico e cosméticos, de 16 estados de todas as regiões do Brasil, se revezarão em exposição no showroom.

O pão de queijo do Seu Ninico, feito com queijo artesanal mineiro, que fica crocante por fora e macio por dentro; o sorvete sem lactose, sem glúten, sem conservantes e sem gordura vegetal com sabores da Amazônia, como o taperebá, murici, açaí, castanha do Pará, cupuaçu, cumaru, jambu e tapioca; a cachaça Abaíra, uma tradição de quase 200 anos da Chapada Diamantina; as redes Santa Luzia, feitas com algodão natural colorido, um produto 100% paraibano, são alguns dos produtos que estarão no showroom do programa Chama Empreendedora,inaugurado nesta segunda-feira,no hall de entrada da Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRio) – Rua da Candelária, 9.

Até o dia 16 de setembro produtos de 215 empresas dos setores de alimentos, bebidas, decoração, tecnologia, vestuário, joalheria e farmacêutico e cosméticos, de 16 estados de todas as regiões do Brasil, se revezarão em exposição no showroom. O objetivo é mostrar aos participantes dos Jogos Olímpicos presentes na cidade o potencial competitivo e exportador das empresas brasileiras. O presidente da ACRio, Paulo Protasio, diz que o Chama Empreendedora impulsiona o ambiente de negócios, em especial, as exportações, e, consequentemente, contribui para a retomada do desenvolvimento econômico do país.

Ainda na segunda-feira, às 12h30min, após a abertura do showroom, será realizado o tradicional Almoço do Empresário da ACRio, com a presença de Daniel Godinho, secretário de comércio exterior do MDIC, do gerente de acesso a mercados e serviços financeiro do Sebrae Nacional, Alexandre Comin e de Paulo Protasio, entre outros.

Chama Empreendedora – O showroom a ser inaugurado é uma das ações de exposição dos produtos brasileiros arregimentados pelo Chama Empreendedora. Outra ação é um catálogo bilíngue, que será distribuído em 32 países, além do site “Vitrine do Exportador” que já reúne mais de 23 mil usuários.

Idealizado pela ACRio com as parcerias do Sebrae no Pódio, da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), da Confederação dos Jovens Empresários e do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços e dos Correios, o Chama Empreendedora já percorreu 16 capitais, com participação das associações comerciais, das redes empresariais, de jovens empresários locais e de articuladores regionais dos parceiros nacionais. Congregou 135 organizações e reuniu 1.154 participantes de todo o Brasil.

O Chama Empreendedora visa aumentar a competitividade empresarial brasileira com enfoque na exportação. Aposta no associativismo e na iniciativa privada, principalmente, nas micro e pequenas empresas, e na união de esforços entre as diversas esferas da sociedade. Em seus encontros apresentou aos empresários temas como a implementação do Plano Nacional de Exportações; a experiência do Projeto Sebrae no Pódio e a facilidade do Exporta Fácil pelo Correios. Nesta primeira etapa, realizada ao longo do primeiro semestre de 2016, a Promoção da Cultura de Exportação no Brasil foi o foco.

Cenário – Durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos, o Brasil deve receber 350.000 turistas, dos quais 100 serão chefes de Estado e de Governo, com reforço extraordinário na divulgação da imagem da cidade do Rio de Janeiro. A divulgação dos Jogos poderá alcançar cinco bilhões de pessoas em todos os continentes, com ampliação das oportunidades de negócios para empresas de todo o país. Os organizadores do Chama Empreendedora consideram este um momento privilegiado para ajudar no esforço de elevar a participação brasileira no volume total de exportações no mundo, que é de apenas 1,2%.

A 10 dias da abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, a Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRio) mais uma vez mobiliza o empreendedorismo nacional ao inaugurar um showroom com produtos de todas as regiões do país.

Os 215 micro, pequenos e médios empresários participantes poderão divulgar seus produtos, gratuitamente, em feiras que ocorrerão na ACRio – coração financeiro da cidade, a uma rápida caminhada da Região Portuária. O público alvo dessas exposições são empresários e diplomatas de 32 países apontados pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) como mercados prioritários para as exportações brasileiras. O evento permitirá, ainda, aos participantes fazer networking com agentes de desenvolvimento e empresários brasileiros. As empresas foram selecionadas por seus potenciais de exportação, após participarem do circuito da Chama Empreendedora.

SEBRAE NO PÓDIO – Graças ao Programa Sebrae no Pódio, os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 terão produtos e serviços fornecidos por pequenos fornecedores de todo o país. Trezentas empresas se cadastraram no Portal de Suprimentos Rio 2016, através do Programa inédito do mundo. O convênio de cooperação técnica entre o Comitê Organizador e o Sebrae movimentou cerca de R$ 450 milhões junto à Micro Empresas (ME), Empresas de Pequeno Porte (EPP) e Produtores Rurais participantes do projeto. De acordo com o coordenador do Sebrae no Pódio, Francisco Marins, o modelo deve ser repetido nos Jogos Olímpicos de Inverno de 2018, na China, e nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio, em 2020.

“Esse projeto nasceu para que as micro e pequenas empresas brasileiras possam atender as demandas de produtos e serviços dos grandes eventos esportivos mundiais. O Sebrae no Pódio já está em negociação com Coréia do Sul, Austrália e Inglaterra para que micro e pequenas empresas brasileiras, principalmente dos setores de turismo, saúde, educação, petróleo e gás, energia, esporte, uso eficiente da água e sustentabilidade, sejam fornecedoras para os próximos grandes eventos que acontecerem nesses países.

Marins apontou ainda a entrega da Classificação internacional pelo Sistema UNSPSC – The United Nations Standard Products and Services Code – para todas as empresas selecionadas como potenciais fornecedores dos Jogos como um dos legados do programa Sebrae no Pódio. A Organização das Nações Unidas (ONU) recomenda a adoção do código UNSPSC para viabilizar transações comerciais de materiais, produtos e serviços que utilizam um padrão internacional.

Após a abertura da exposição, o presidente da ACRio vai apresentar outros projetos nacionais de desenvolvimento econômico e social da instituição que integram diversos setores da sociedade brasileira: Ação Empresarial – O Brasil Não Pode Parar e a Zona Internacional de Serviços.
O primeiro pretende contribuir para a retomada do crescimento “de baixo para cima”, a partir do protagonismo das 2,3 mil Associações Comerciais espalhadas pelo país e observando a importância das eleições municipais que vão eleger, em outubro, prefeitos e vereadores de mais de 5 mil municípios.

O outro pretende integrar os serviços logísticos existentes na Região Sudeste do país para transformar o Rio de Janeiro em uma Zona Internacional de Serviços.
Serviço

Inauguração do showroom de produtos brasileiros da Chama Empreendedora e Almoço do Empresário
Data: segunda-feira (25/07)
Horário: 12h
Local: ACRio – Rua Candelária, 9 – Centro/RJ

Fonte: Export News

Para realizar cursos e conquistar a habilitação para trabalhar em  comércio exterior, visite o site oficial do mercado: www.abracomex.org.

Assine nossa newsletter!

    Aceito a Política de Privacidade
    Aceito receber informativos por e-mail, SMS e WhatsApp.
    Precisa de Ajuda?
    Fale Conosco!